22 de julho de 2011

Danilo confira a ida para o Porto, via twitter

Jogador, porém, só vai para o clube português no fim do ano, após a disputa do Mundial, em dezembro, no Japão

Após muito se falar, a transferência de Danilo finalmente se concretizou. Por meio de seu Twitter oficial (microblog na internet), o volante revelou que o negócio com o Porto (POR) foi fechado na noite desta quinta-feira. O atleta, que atualmente está na Granja Comary com a Seleção Brasileira sub-20 para a disputa do Mundial da categoria, acertou com o clube português por 13 milhões de euros (aproximadamente R$ 29 milhões).

"Como eu disse que falaria hoje (sexta-feira), ontem (quinta) se confirmou minha transferência para o FC Porto, de Portugal! Estou muito feliz com essa nova etapa da minha vida que se inicia em janeiro, pois é um grande clube acostumado a ganhar títulos também! Mas enquanto isso, continuarei dando o sangue pelo Santos e quero, junto com meus companheiros, ser campeão brasileiro e do Mundial de Clubes em dezembro! #ummesdotri (referência ao título da Copa Libertadores, vencida há exatamente um mês)", confirmou Danilo.

Nesta quarta-feira, o Santos revelou ter comprado 37,5 % dos direitos econômicos do atleta. O atleta tinha seus direitos divididos entre Santos (37,5%), Grupo Dis (37,5%) e América-MG (25%), clube no qual começou a carreira. Pelo contrato, o Alvinegro tinha o direito de comprar as partes dos respectivos parceiros, caso chegasse uma proposta maior do que 6 milhões de euros, o que aconteceu quando o Peixe recebeu uma proposta oficial do Benfica (POR) de 10 milhões de euros (cerca de R$ 22 milhões).

Após todo o imbróglio, o Peixe lucrou nada menos do que 2,25 milhões de euros (R$ 5 milhões), pois pagou ao Grupo Dis o valor em cima da proposta do Benfica (10 milhões de euros), e recebeu pelo jogador, um dia depois, em cima da proposta do Porto (13 milhões de euros).

O tempo de contrato com o clube português ainda não foi divulgado, mas, como confirmou, fica até o fim do ano para a disputa do Mundial de Clubes.





LANCEPRESS

Nenhum comentário:

Postar um comentário